Bebe Rexha fala sobre o feminismo durante entrevista

Bebe Rexha fala sobre o feminismo durante entrevista

Durante uma entrevista para a TAGMAG, Bebe Rexha falou sobre ser feminista, sobre flertar e até sobre como ela reconhece um amigo falso! A entrevista está imperdível e nós transcrevemos ela para vocês, confira:


Todas essas cenas sexy e sensuais são uma maneira de seduzir ou é uma maneira de expressar o seu feminismo?

Eu sou muito feminista, não daquele jeito louco mas acho que amor próprio é muito importante e fazer o que você quer é importante. A minha família é da Albânia e a cultura de lá é muito homem primeiro, mulher depois e é terrível. Agora está mudando, todos os lugares do mundo estão mudando, mas acho que o pensamento ainda é o “homem da casa”.

Mulheres deveriam se sentir mais fortes e poderosas em suas peles, eu nunca faço para homens, para ser sexy para eles, eu faço porque é o jeito que eu quero me vestir e eu acho que é assim que as garotas deveriam se sentir todos os dias.

Você tem dicas para meninos e meninas flertarem?

Sim, eu sou muito ruim em flertar. Sério, eu fico no estúdio o dia todo, trabalho o dia todo eu não vou a um encontro tem anos. Acho que para flertar você precisa ser realista e gostar de alguém, eu não sei, não foi uma boa ideia perguntar pra mim, eu não flerto!

Você já teve um momento embaraçoso?

O tempo todo, eu sinto que assusto os caras, porque eu já chego “E aí, beleza?”, é assim que eu converso, como um garoto. Acho que para mim, eu cresci na indústria musical, comecei muito jovem, então eu amo tanto música que virou a minha prioridade número um, acho que homens sempre virão em segundo lugar e eu acho que eles percebem isso, então quando eu converso com eles é sempre sobre negócios e tipo, “o que você quer comigo? eu não tempo tempo, eu preciso dominar o mundo!” mas eu já tive vários momentos embaraçosos com garotos e fiquei tipo “wow, ok”, um passo para trás.

Uma das suas músicas se chama “Fuck Fake Friends”, como você reconhece amigos falsos?

Eu sou de Nova York, nasci no Brooklyn e eu mudei para Califórnia, porque é para onde todo mundo muda para fazer música e quando eu estava lá eu procurei por amigos de verdade e foi muito difícil encontrar. No começo você faz amigos e sai, ai você começa a perceber se a pessoa está ali realmente por amizade ou pelos motivos errados, então eu escrevi uma música chamada “Foda-se amigos falsos”, eu estava brava, só queria ficar ao redor de pessoas verdadeiras!

A MTV lançou um documentário sobre você, chamado The Ride: Bebe Rexha e é a história de como você ficou famosa, quem mais inspirou você, pode dar um exemplo?

Acho que a vida no geral e crescer todos os dias aprendendo algo novo, acho que a beleza da vida é passar por momentos difíceis, todo mundo tem sua própria história, é olhar para esses momentos ruins da vida e lembrar que não será sempre ruim. Esses dias eu estava no avião indo para Londres e quando vamos para Londres sempre voamos sob as nuvens, então o sol está sempre ali, então eu comecei a pensar que o sol estaria sempre ali, mas as vezes você não consegue ver. Acho que com a vida é isso que me inspira, os momentos difíceis ajudam, como coração partido, amigos falsos, acho que é isso que faz boas musicas, a dor e o amor.

Assista:



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *